ANUNCIE AQUI


Xadrez atrai crianças e adolescentes da rede municipal de Cachoeirinha



Ao todo, quase cem estudantes participam das oficinas em turno inverso ao escolar.

Apesar de ser considerado um jogo elitista e praticado apenas por intelectuais, o Xadrez está conquistando cada vez mais a juventude de Cachoeirinha, graças à iniciativa do Clube de Xadrez Wilhelm Steinitz. Numa parceria com a Secretaria Municipal de Educação e de Segurança e Mobilidade, o professor instrutor Josué Garcia, presidente da entidade, ensina a arte do Xadrez nos projetos de Contraturno Escolar e Guarda Mirim.

Atualmente, são 12 alunos na escola Granja Esperança e 15 na Assunção, além de cerca de 64 alunos da Guarda Mirim, oriundos de diversas escolas. “Com a pandemia conseguimos manter as aulas online com muitos estudantes, mas a ideia é que no próximo ano a gente possa mobilizar mais escolas e garantir espaços mais amplos para dar oportunidade de acesso a esta prática, que é oferecida gratuitamente tanto pelo município quanto pelo Clube Wilhelm Steinitz”, salientou Josué.

As alunas Luiza Menezes e Eduarda Almeida, do 5º e do 8º ano do Granja, respectivamente, começaram a oficina este ano. “Eu já sabia jogar, aprendi sozinha, lendo o manual do jogo, mas aqui é muito bom porque a gente aprende jogadas novas e estimula o raciocínio. Participei do torneio de Xadrez e foi muito legal, aprendi bastante ali também. Quero continuar jogando e ser uma competidora”, pontuou Eduarda.

Conforme o professor Josué, o Xadrez aumenta a disciplina e a criatividade, melhora o raciocínio e a concentração, estimula a maturidade intelectual e a paciência, e ainda, estudos demonstram que a prática pode prevenir doenças como o Mal de Alzheimer.


Projetos de Contraturno


O cinco Projetos de Contraturno – banda escolar, xadrez, tiro com arco, práticas meditativas e canto, violão e violino – serão retomados no próximo ano letivo. Informações sobre as oficinas podem ser obtidas na própria escola.


Por Vanessa Martins/PMC
Foto: Eduarda Bento/Divulgação



Postar um comentário

0 Comentários