ANUNCIE AQUI


Luciana Genro questiona MP e prefeitura de Viamão sobre a situação dos animais do Centro de Zoonoses



Os animais do Centro de Zoonoses de Viamão estariam vivendo em situação extremamente precária, sem receber atendimento veterinário e em situação desesperadora, segundo relatos recebidos pela deputada Luciana Genro (PSOL). Em um vídeo divulgado nas redes sociais, uma protetora afirma que os animais são “apenas jogados” e que um cachorro teria ficado cego devido à falta de tratamento. A deputada está acionando o Ministério Público e cobrando a prefeitura a respeito da situação, questionando que ações estão sendo tomadas para garantir a qualidade de vida dos animais que residem no centro e quais foram os valores de orçamento dedicados ao serviço nos últimos anos.

Segundo relatos, há 4 meses o local foi interditado, mas diante da falta de ação do poder público em retirar os animais de lá, os protetores da cidade recolheram do local os 20 animais que lá viviam. No vídeo, afirmam que atualmente são 5 animais que estão no local, sem serem vacinados e castrados, em situação “ainda pior” do que a anterior.

No ofício enviado ao Executivo de Viamão, a deputada destaca ainda que a demanda não é recente, pois, ainda em 2013, já havia denúncias nas redes sociais acerca das condições do local. O pedido de explicações foi feito com base na Lei de Acesso à Informação e solicita que a prefeitura confirme a veracidade ou aponte os elementos que não procedem no vídeo divulgado sobre a situação.

A deputada também enviou uma notícia de fato ao Ministério Público, relatando as denúncias sobre o Centro de Zoonoses à Promotoria de Justiça Criminal de Viamão e solicitando que o MP tome as providências cabíveis. “Estou pedindo que o órgão avalie se a prefeitura de Viamão não estaria cometendo crime de maus tratos aos animais”, comenta.

Luciana Genro tem atuado na proteção animal, sendo autora da lei que proíbe fogos de artifício com barulho, os quais fazem muito mal para muitos animais, como cachorros e pássaros. O mandato tem um compromisso com a causa animal e atua no apoio e parceria com a ONG Cão da Guarda e o projeto PAS. “Nossa luta em defesa da causa animal é um compromisso que não abrimos mão. No caso de Viamão, é uma tragédia o que está sendo denunciado. Precisamos que a prefeitura responda imediatamente se essa situação desesperadora se confirma e que medidas estão sendo tomadas”, afirma Luciana Genro.

Via Ascom - foto: Ilustração/ALMG



Postar um comentário

0 Comentários