ANUNCIE AQUI


CRISE DO COVID-19 | Secretário de Saúde pede demissão em Cachoeirinha


Via Redação Info do Vale - Foto: André Guterres/CMC

Após a polêmica sobre a investigação do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que solicitou uma medida cautelar para impedir que a Prefeitura de Cachoeirinha renove o contrato de prestação de serviços do Hospital de Campanha com a empresa Instituto Salva Saúde do estado do Espírito Santo, que foi alvo de operação da Polícia Federal por supostas irregularidades na prestação de serviços para órgãos públicos.

A montagem do Hospital de Campanha foi feito pela contratação com dispensa de licitação do Instituto Salva Saúde, conforme previsão da Lei Federal 13.979/2020, que regra e estabelece gastos emergenciais durante o período da pandemia do novo coronavírus.

Dyego Matielo em seu perfil no Facebook informou do seu pedido de demissão, pois acusa o uso político da posição do TCE, que estariam criando um desgaste em sua vida pessoal.

Abaixo segue texto e link da postagem feita por Matielo.

"A vida é feita de escolhas e transições!! Tudo que construímos se torna base e alicerces para pavimentação da estrada da nossa vida! Depois de algum tempo como Secretário de Saúde de Cachoeirinha, hoje tomei a decisão de me desligar, frente a um alvoroço político desnecessário, que está desgastando demais minha vida privada e minha saúde! Tenho muita fé e certeza de que só fizemos o certo e plena confiança no Governo Miki Breier, e em toda minha equipe da gestão na secretaria, os quais foram guerreiros incansáveis ao meu lado durante todo esse período! Não há mal que dure para sempre, o Covid-19 vai passar, estaremos mais fortes, mais firmes, mais sábios e a honestidade sempre se manterá!"


Link da reportagem da GaúchaZH:




Postar um comentário

0 Comentários