ANUNCIE AQUI


Procon de Cachoeirinha realiza fiscalização nos postos de combustíveis



No total são 23 postos na cidade. Preços abusivos, com aumento na margem de lucro sem justificativa prévia, podem gerar multa

Por Judy Wroblewski - foto: Kátia Freitas


O Procon de Cachoeirinha realiza fiscalizações periódicas dos postos de gasolina. Os fiscais vão até o posto para notificar os donos a cada 15 dias. A notificação é um esclarecimento do valor e recolhimento de notas fiscais. No total são 23 postos na cidade. 

Segundo o diretor do Procon, Fábio Ramos, é importante deixar a população ciente do trabalho realizado pelo Procon. “Nós queremos que os moradores saibam que nós fiscalizamos os postos. Esse trabalho começou após a greve dos caminhoneiros”, observa. 
Não existe uma lei que tabele o preço. Cada posto compra o combustível por um valor e pode revender pelo valor que desejar, mas preços abusivos, com aumento na margem de lucro sem justificativa prévia, podem gerar multa. 

A justificativa dada pelos postos sobre o valor cobrado é a livre concorrência no mercado. Por não existir um valor imposto pelo governo ou lei, o preço é definido pelos revendedores. Outro motivo é o preço cobrado pela distribuidora, que faz os postos aplicarem valores mais altos para que haja obtenção de lucro. 

O Procon de Cachoeirinha fica localizado na Rua Tamoios, 40 no Bairro São Vicente e atende das 9h às 17h de segunda a sexta. Para mais informações ou denúncias ligue (51) 3471-2835 ou (51)3439-1036.

Nota do editor: Cabe a população fazer pressão e abastecer no posto mais barato, para que assim os outros postos criem concorrência com a queda nos preços. Pesquise o menor valor da gasolina e dê preferência a este posto de combustíveis. 



Postar um comentário

0 Comentários