ANUNCIE AQUI


Atendimento odontológico para pacientes com deficiência é oferecido pela Secretaria de Saúde de Cachoeirinha




A Secretaria Municipal de Saúde, juntamente ao Departamento de Saúde Bucal, oferece atendimento odontológico especializado para pacientes com deficiência. 


Por Judy Wroblewski - edição: Redação Info do Vale
Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil



São oferecidos todos os procedimentos básicos odontológicos (profilaxia/limpeza, restaurações, extrações de dente de baixa complexidade, diagnostico de lesões bucais), procedimentos de média complexidade (tratamento de canal, tratamento gengival, cirurgia oral menor, diagnóstico de lesões bucais, restaurações complexas) e procedimentos em ambiente hospitalar sob anestesia geral (que inclui todos os procedimentos listados acima). Além de todos os procedimentos todas as unidades estão focadas na educação e prevenção dos agravos em saúde bucal.

Os atendimentos acontecem nos três níveis de atenção: primária/básica: que acontece diretamente nos postos de saúde, onde é realizada a primeira consulta, secundária/especializada: atendimentos que acontecem no Centro de Especialidades Odontológicas CEO, encaminhados pelos postos de saúde e atenção terciária/hospitalar: atendimentos que acontecem em hospital de Igrejinha e que são regulados e agendados pelo Estado do Rio Grande do Sul, encaminhados pelo CEO.

Em abril do ano passado, a Secretaria Municipal de Saúde lançou o Protocolo Integrado de Atenção em Saúde Bucal, com vigência no período de 2018 e 2019 com o objetivo de regular todo o fluxo odontológico do município. Segundo o responsável técnico e coordenador de Saúde Bucal, Marcelo Ferla, é muito importante que haja um atendimento especial para esses pacientes, pois dessa forma o agravamento de problemas pode ser evitado. “A ideia é fazer um trabalho de prevenção com os pacientes que têm necessidades especiais, evitando que estes só procurem atendimento odontológico em situações mais agravadas”, observa.

Desde quando o Protocolo Integrado de Atenção em Saúde Bucal foi apresentado, e que foi incluído esse fluxo de recebimento de encaminhado das instituições, já foram encaminhados ao CEO 38 pacientes e foram encaminhados ao atendimento hospitalar para casos complexos 9 pacientes. No centro de especialidades (CEO) são atendidos mensalmente uma média de 40 pacientes e realizados em média 80 procedimentos para pacientes com necessidades especiais. 

Para o secretário de Saúde, Paulo Abrão, a iniciativa vem ao encontro de uma demanda que não era atendida pela rede municipal e que vai fazer a diferença para centenas de Pessoas com Deficiência - PCDs, que procuram os serviços públicos municipais de Saúde. 

Para mais informações entre em contato com o Departamento de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde de Cachoeirinha pelos telefones (51) 3041-8661 ou (51) 3041-8699. 




Postar um comentário

0 Comentários