ANUNCIE AQUI


Alunos da região metropolitana participam de curso em eletromecânica oferecido pela Pescar Ambiental Metrosul






A aula inaugural da primeira turma do projeto aconteceu nesta terça-feira (15), inicialmente de forma remota e, posteriormente, o curso acontecerá no prédio da área de eletromecânica da Metrosul, em Canoas. Os 10 jovens contemplados superaram mais de 500 inscrições e um processo para constituição do grupo que levou aproximadamente 45 dias, com diversas etapas de avaliação como o atendimento aos requisitos mínimos necessários (idade, renda familiar, escolaridade, etc), entrevistas com as famílias e individuais. Todo o processo foi conduzido pela educadora social da Unidade, Roberta Vieira, com o apoio do Articulador do projeto na empresa, Mateus Gomes.

O curso em eletromecânica terá duração de aproximadamente 11 meses, sendo quatro horas diárias, de segunda a sexta-feira, no turno da tarde. As aulas serão ministradas pela educadora Roberta, graduada em Psicologia e egressa do Pescar. Em 2009, ela participou do projeto como aluna, tornando-se educadora três anos depois.

A fim de oferecer aos jovens uma estrutura de aprendizado adequada, a Ambiental Metrosul forneceu um notebook para cada aluno e o material didático necessário para o começo das aulas online. Ao longo do período letivo, serão oferecidos outros benefícios como uniforme e cesta básica mensal, vale transporte para o deslocamento e lanche, quando as aulas passarem a presenciais. Serão disponibilizados, ainda, módulos complementares como inglês e espanhol básicos, excel e outros conteúdos de capacitação e desenvolvimento profissional disponibilizados pela plataforma de ensino do Grupo, a Academia Aegea.

O Pescar Ambiental Metrosul tem o objetivo de oferecer a jovens em situação de vulnerabilidade social das regiões onde a empresa atua, habilidades e conhecimentos que oportunizem a inserção no mercado de trabalho. Além da formação gratuita, possibilita a contratação como Jovens Aprendizes pela Metrosul e outras empresas parceiras. O aprendizado proporciona, ainda, que os jovens atuem nas frentes de trabalho da própria empresa bem como no mercado de trabalho da Grande Porto Alegre.

“É um momento muito especial, superamos muitos desafios e obstáculos para que o Pescar Metrosul acontecesse ainda este ano. O engajamento irrestrito da empresa e apoio da Fundação foram fundamentais para isso. Satisfação resume esse começo efetivo do projeto. Que realmente seja um marco na vida de muitos jovens”, comemora o articulador, Mateus Gomes.

O diretor-presidente da empresa, Ângelo Mendes, destaca o pioneirismo do Pescar na Aegea. “Orgulho de implantarmos um programa social de tamanha significância na Metrosul. No que depender do esforço e capacidade dos nossos profissionais, não temos dúvidas que será um case para outras unidades do Grupo”, ressalta Ângelo.


A AMBIENTAL METROSUL

Considerada a maior PPP de saneamento do país, a Ambiental Metrosul, parceira da Corsan, foi constituída para fazer a coleta, tratamento e disposição final dos esgotos de Alvorada, Cachoeirinha, Canoas, Eldorado do Sul, Esteio, Gravataí, Guaíba, Sapucaia do Sul e Viamão, trazendo mais saúde e qualidade de vida a uma população estimada em 1,7 milhão de pessoas. 


Via Ascom



Postar um comentário

0 Comentários