ANUNCIE AQUI


Mais de 35 mil hidrômetros serão trocados na região metropolitana de Porto Alegre



Ambiental Metrosul informa que as residências que permanecerem com o equipamento vencido serão notificados pela Corsan e o abastecimento de água poderá ser suspenso



Os trabalhos foram intensificados nas nove cidades atendidas pela Parceria Público-Privada e são necessários nos imóveis cujos aparelhos estão com a validade de cinco anos vencida ou prestes a vencer, conforme a vida útil determinada pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – Inmetro. Importante lembrar que o serviço é realizado gratuitamente, sem custo ao usuário. 


Ao todo, 35,6 mil hidrômetros devem ser substituídos até o dia 5 de maio, sendo que Gravataí (6,8 mil), Canoas (6,5 mil), Alvorada (5,3 mil) e Cachoeirinha (4,1 mil) são os municípios com as maiores concentrações de trocas. As residências que, mesmo após a tentativa de troca e a orientação por uma equipe da Metrosul permanecerem com os aparelhos vencidos poderão ter o abastecimento de água suspenso por determinação da Corsan. Isso está previsto na Resolução nº 467/2018, que regulamenta os serviços de água e esgoto junto à Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul - Agergs. O inciso V do Art 90º estabelece a suspensão no fornecimento quando houver impedimento do livre acesso ao quadro, ou às instalações de equipamentos de medição da Companhia de Saneamento. A suspensão será realizada após notificação do usuário e a constatação da impossibilidade de leitura do hidrômetro por dois ciclos de leitura consecutivos.

Para agilizar os trabalhos e atender os mais de 35 mil imóveis em tempo, a empresa reforçou suas equipes de hidrometria e aproximadamente 80 colaboradores estão atuando nos atendimentos. “Pedimos a colaboração dos moradores a fim de que a troca do registro seja feita quando for solicitada pelos profissionais da empresa, devidamente identificados”, salienta o Coordenador de Hidrometria da Ambiental Metrosul, Matheus Reato. Visando a segurança dos usuários e a transparência dos trabalhos, ele complementa, ainda, que a população deve cobrar as credenciais das equipes, bem como o número do protocolo para a execução do serviço. Para saber mais informações e esclarecer dúvidas a população deve contatar os canais de atendimento da Corsan.

Importância da substituição dos hidrômetros

Os medidores registram o consumo de água nas residências e, com o tempo, sofrem um desgaste natural que compromete o seu funcionamento. Conforme determina o contrato firmado junto à Parceria Pública-Privada, a Ambiental Metrosul está substituindo os aparelhos avariados, com validade vencida ou próxima de expirar com o objetivo de garantir maior precisão nos registros do volume de água que é consumido pelos usuários abastecidos pelo sistema público. A recomendação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia – INMETRO, órgão certificador, é de que a troca seja feita a cada cinco anos, tempo de vida útil do equipamento. Aproximadamente 160 mil hidrômetros já foram trocados pela empresa desde que assumiu a operação na Região Metropolitana de Porto Alegre, em dezembro de 2020.


A AMBIENTAL METROSUL

Considerada a maior PPP de saneamento do país, a Ambiental Metrosul, parceira da Corsan, foi constituída para fazer a coleta, tratamento e disposição final dos esgotos de Alvorada, Cachoeirinha, Canoas, Eldorado do Sul, Esteio, Gravataí, Guaíba, Sapucaia do Sul e Viamão, trazendo mais saúde e qualidade de vida a uma população estimada em 1,7 milhão de pessoas.



Postar um comentário

0 Comentários